12 hábitos improdutivos que todo profissional precisa combater

hábitos improdutivos

Trabalhar para alguém, ser freelancer ou ser o dono do próprio negócio envolve uma série de responsabilidades. A maior delas diz respeito a produtividade. Manter hábitos improdutivos pode te levar ao fracasso, ao desemprego e até mesmo a falência. Neste artigo listamos 12 hábitos prejudiciais que precisam ser combatidos e como resolvê-los.

12 hábitos improdutivos que você precisa evitar

1) Falta de proatividade

Planejamento é o caminho ideal para evitar dores de cabeça. E para fazê-lo é necessário boa dose de atitude. Elencar possibilidades de sucesso e os possíveis problemas no percurso ajuda a criar soluções para possíveis problemas.

Pessoas proativas têm maior probabilidade de obter sucesso a longo prazo!

Para melhorar sua proatividade é necessário entender seu projeto, organizar um calendário e planejar ações visando o futuro.

2) Procrastinação

Sem dúvida nenhuma: um dos principais hábitos improdutivos. Todos nós procrastinamos em algum momento da vida. E esse comportamento é um grande sabotador na nossa rotina.

Adiar tarefas por insegurança, cansaço ou preguiça é comum. Mas, faz muito mal a carreira profissional e aos negócios. Para combater a procrastinação é necessário enfrentar a vontade de adiar seus trabalhos.

Uma forma é fazer as tarefas mais difíceis primeiro e manter uma lista atualizada do que precisa ser feito.

3) Atrasos

Falta de compromisso com horário ou prazos é um grande sabotador. Outro hábito improdutivo que pode causar sérios problemas na carreira de um profissional.

Ao definir horários, você precisa ser pontual. Ao definir prazos, você precisa cumprí-los.

Além de prejudicar o andamento do seu trabalho, quando o atraso envolve outras pessoas uma mensagem negativa se espalha: parece que priorizamos outras coisas em detrimento aqueles que estão nos esperando.

Para combater o atraso é preciso se adaptar a rotina. Defina alarmes para seus compromissos ao longo do dia. Mantenha uma rotina de horários para dormir e para acordar. Use cronogramas para suas tarefas.

4) Falta de planejamento

Todas as atividades de um projeto precisam ser esboçadas em início, meio e fim. Uma dica de ouro é utilizar aplicativos como Asana e Trello para administrar todas as etapas de seus projetos.

A falta de planejamento é um grande sabotador, pois sem ele você não consegue identificar as etapas de trabalho e nem o que deixou de ser realizado pelo caminho.

5) Dizer sim para tudo

Sempre dizer “sim” aos clientes pode colocar o empreendedor em uma saia justa. A mesma situação quando se tem um patrão. Na ânsia de querer parecer profissional e útil acabamos aceitando projetos e trabalhos em demasia.

Lembre-se que você é um ser humano com limitações físicas e psíquicas e que todo o tempo você está construindo uma relação de confiança profissional.

Se você fizer uma promessa, seja honesto sobre o que pode fazer. Infelizmente, o excesso de promessas leva a prazos perdidos, perda de produtividade e falhas de projeto.

6) Resistência à mudança

Mudar é algo assustador para a maioria das pessoas. Afinal de contas nos acostumamos com o trabalho, com a mesma rotina, com as pessoas.

Uma nova tendência, um novo espaço de escritório ou novas atualizações de software são suficientes para deixar de cabelo em pé qualquer pessoa que não possui resiliência.

Não tem jeito! O mundo está em constante mudança e precisamos acompanhar e nos reinventar todos os dias. Desafios promovem o crescimento.

7) Cuidado com a insatisfação

Se você acha que está constantemente insatisfeito com sua vida ou seu trabalho, talvez seja hora de experimentar novos ares. Quando você é um empreendedor, não tem jeito!

O chefe é você e não há com quem reclamar. Se você está insatisfeito com o que está fazendo, mude!

8) Lide com seus erros de forma honesta

Quando alguma coisa que você faz dá errado, qual é a sua atitude? Se você tenta culpar os outros e não faz uma autocrítica, está no caminho errado!

É difícil encarar a verdade quando cometemos erros e é ainda mais difícil admiti-los para os outros, especialmente quando esses “outros” são seus clientes ou patrão.

Em um ambiente profissional, estamos todos ansiosos para provar nossa competência. Acredite em mim, todos nós cometemos erros e a melhor forma de lidar com eles é ser honesto e consertá-los.

9) Cuidado com o desleixo

O desleixo assume muitas formas dentro da nossa rotina e ele é um indicador forte para as outras pessoas de que você não se importa.

Um freelancer, trabalhando em casa, não se preocupa muito com a aparência, uma vez que seu trabalho é prioritariamente virtual.

No entanto, o ambiente de trabalho em home office precisa estar organizado, por exemplo. Caso contrário, esse desleixo pode afetar sua rotina e atividades.

10) Controle as emoções

Fazer drama por qualquer motivo e a todo momento pode criar uma impressão negativa sobre você. Isso vale para todos os profissionais, freelancers ou não.

Algumas pessoas são naturalmente mais dramáticas e não reagem bem a determinadas situações. Essas pessoas acabam criando caos e estresse.

Brigar, chorar e promover discussões acaloradas prejudica o profissionalismo e reduz a produtividade. Essa dicas valem também para a presença nas mídias sociais.

11) Vidas: pessoal x profissional

Sua vida pessoal não deve se misturar a sua vida profissional.

No entanto, há situações emergenciais nas quais elas se misturam.

Como, por exemplo, quando seu filho está doente e você precisa faltar ao trabalho. Isso é comum e pode acontecer com qualquer um de nós.

O problema é quando seus problemas pessoais tornam-se parte do tempo do seu trabalho com frequência.

Receber chamadas pessoais intermináveis ​​rouba sua produtividade, por exemplo.

E-mails pessoais, mídias sociais e outras atividades que devem fazer parte do seu horário pessoal precisam ser feitas fora do seu expediente de trabalho.

O mesmo vale para assuntos profissionais resolvidos em seu horário de folga. Tratar os membros da equipe e os clientes como terapeutas pessoais e compartilhar demais também cria um ambiente pouco profissional.

12) Desculpas sem se mexer

Quando alguma coisa sai do nosso controle precisamos nos desculpar pelo ocorrido. Fatalidade acontecem. Mas, em ambiente profissional, o que precisa ser feito é resolver o problema.

Seu cliente não quer ouvir desculpas e razões para o problema existir. Ele quer o problema resolvido.

Muitas vezes a ideia que fica no ar é que você não entende a gravidade da situação e está tentando encobrir – ou está de má-vontade para resolver – o problema. Assumir a responsabilidade, resolver o problema e seguir em frente é a forma correta de eliminar esse hábito improdutivo.

Evitando esses 12 hábitos improdutivos, você com certeza estará a caminho do sucesso.

Opt In Image
Inscreva-se e baixe o e-book.
São 21 páginas com dicas práticas para aumentar seu tráfego!

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Promoção Lançamento Curso Pinterest Boss. Clique para conhecer

Baixe o e-book do Pinterest
no seu e-mail

11 dicas surpreendentes para aumentar seu tráfego massivamente com o Pinterest

Obrigada por inscrever-se.

Alguma coisa deu errado.